Curiosidades

7 maneiras de se dizer o que pensa sem ser grosseiro

Há quem afirme que pessoas educadas e éticas estão se tornando uma raridade a meio de nossa sociedade. Existem ainda indivíduos que dizem não compensar ser educado já que pessoas assim só sofrem na mão de gente “espertinha”.

Bom, o fato é que não existem vantagens em ser grosseiro. Existem casos isolados em que uma pessoa é rude sem a intenção, a tal atitude é resultado de um mal entendido ou falta de autoconhecimento. Ser educado é uma coisa, não ser rude é outra bem diferente. Para a nossa sorte, comportamentos inadequadas podem ser amenizados para que as pessoas não tenham uma má impressão sobre você.

Controle o tom da voz

É preciso ter consciência de como o som da sua voz pode soar para os outros. Mesmo que você tenha que fazer uma pausa por alguns segundos, mantenha um tom de voz calma, com volume e velocidade suaves para não parecer rude ou que está irritado. Uma dica muito prestativa também é evitar falar rápido demais. Quando uma pessoa está desconfortável ou nervosa, tendem a acelerar a pronúncia das palavras. Tal atitude só piora o constrangimento.

Tenha empatia

Ter empatia é uma característica muito importante para o ser humano. Isso pode demonstrar que você é educado e que tem consideração pelas pessoas. Se importar e entender o ponto de vista de quem está te ouvindo é bastante importante. Mostrar sentimentos certamente vai deixar a pessoa mais segura.

Seja modesto

Ser modesto é uma virtude bem característica de pessoas bem educadas. Indivíduos egocêntricos pensam tanto em si que acabam passando por pessoas rudes. É uma coisa simples mas pode acabar passando despercebida. Para evitar isso tente ver também as coisas na perspectiva de quem está conversando com você.

Deixe o outro falar

Mesmo que você tenha uma informação que vai mudar toda a humanidade, é importante deixar a outra pessoa falar. A regra da boa convivência diz que é preciso ouvir o outro quanto há um diálogo. Falar, sem parar pode ser extremamente grosseiro. Todas as pessoas querem expressar como se sentem, e as pessoas podem ficar constrangidas se não têm o direito à palavra.

Alguns gestos podem ser grosseiros

Cuidado, pois a linguagem corporal se manifesta sem menos você perceber. É fácil identificar alguém nervoso, pois seu corpo demonstra isso. Suas palavras podem ser as mais educadas que existem, mas a sua expressão corporal acaba te traindo. Quer um exemplo? Cruzar os braços pode fazer que você fique com uma postura mais agressiva, assustando um pouco a pessoa que está te ouvindo.

Leve em consideração os sentimentos alheios

Vá devagar com pessoas que tem sentimentos a flor da pele. A sensibilidade emocional pode ser vista como uma qualidade, mas exige uma atenção especial para que ninguém se magoe. Então tome cuidado com piadinhas ou qualquer coisa que possa incomodar a pessoa que está te ouvindo.

Seja educado de verdade

Quem quer passar a impressão de que uma pessoa gentil deve investir em tal postura. Ser gentil e a cortesia devem fazer parte de você e não ser apenas um fingimento. Bancar uma de ator não vai te levar a nada já que em algum momento você vai deixar de ser esse personagem. Se você agir com bipolaridade as pessoas acharam que você é falso.

Comments

comments

Leave a Response

Nandy

Mineira que caiu de amores por “Sampa”, recordista de matriculas malsucedidas em academias e que acredita que o amor é sempre uma questão de escolha.