9 coisas inimagináveis que podem estar te engordando

por Nandy 26 maio 2017 - 00h 14
3.279 visualizações

O excesso de peso definido é por uma participação da massa de tecido adiposo superior a 20% no peso total do indivíduo, caracterizado como obesidade, atinge cerca de 27 milhões de pessoas, somente no Brasil, e meio bilhão no mundo, e ela acontece quando a ingestão alimentar é maior que o gasto energético correspondente. Porém, o fato de ingerir muitos alimentos pode não ser o único motivo de você estar engordando. Música clássica em restaurantes e até mesmo o ano de nascimento podem ser a causa para a obesidade.

Poluição

 A poluição pode sim estar te fazendo engordar, pois alguns poluentes se acumulam no tecido adiposo, um tipo de célula que acumula gotículas de lipídios em seu citoplasma. Mas não é o fato de você respirar a poluição que pode te fazer engordar, mas sim as impurezas que impregnam os mantimentos. Os alimentos ricos em gordura, como peixes e carnes, são os principais que podem fazer com que você engorde, pois permitem que a poluição entre no corpo quando são ingeridos.

Música clássica em restaurantes

Alguns restaurantes, com o objetivo de deixar o ambiente mais calmo e aconchegante, costumam tocar músicas clássicas, porém, de acordo com a ciência, esse tipo de melodia faz com que as pessoas comam mais que o necessário.

Se alimentar sozinho

De acordo com cientistas, o fato das pessoas pararem de fazer refeições em família faz com que elas fiquem mais propensas à obesidade. Isso acontece porque comer sozinho não estimula hábitos alimentares mais saudáveis. Pesquisas apontam que crianças que compartilham as refeições com os familiares pelo menos três vezes na semana são 24% mais propensos a comer alimentos saudáveis.

Alimentos com baixo teor de gordura

Alimentos que prometem baixo teor de gordura, como a banana, são usados por várias pessoas durante as dietas, porém, o que poucos sabem é que também fazem com que muita gente engorde. Isso porque estudos mostraram que ingerir alimentos como laticínios e ovos, ricos em gorduras boas, diminuem as chances de acúmulo de gordura, principalmente na região da barriga. A justificativa  é que esses alimentos costumam deixar as pessoas mais saciadas.

Dormir pouco

Não dormir o suficiente, ou seja, as oito horas recomendadas pela ciência, pode te fazer engordar. Especialistas afirmam que isso acontece porque o sono é importante na hora de renovar o metabolismo do ser humano, porém, quando a pessoa não dorme o suficiente o corpo exige mais alimentos para se manter acordado.

Trabalhar durante a noite

Como já citamos no tópico anterior, não dormir o suficiente pode te fazer engordar, e isso inclui quem trabalha durante à noite, pois, geralmente, trocam o dia pela madrugada e não costumam tirar o período de sono recomendado. A única forma de evitar que isso aconteça é comer pouco.

Assistir TV

Ficar sentado ou deitado em frente a uma TV é um dos hábitos mais comuns entre várias pessoas. Porém, segundo estudos científicos, uma pessoa que assiste televisão mais que duas horas durante o dia tem 23% a mais de chances de se tornar obesa.

Além disso, estudos revelam ainda que dormir na frente da TV também pode contribuir para uma pessoa engordar. Isso porque qualquer exposição à luz que não seja o Sol, enquanto dorme, reduz os níveis de melatonina e hormônio, que nos protege de doenças metabólicas, como o diabetes e a obesidade.

Depressão, estresse e ansiedade

O estresse, depressão e a ansiedade são algumas das razões para alguém engordar, principalmente as mulheres. Um estudo realizado revelou que pessoas do sexo feminino, quando estão estressadas, costumam engordar mais facilmente, em especial quando enfrentam alguma situação traumática. Isso acontece porque quando a mulher está ansiosa ou depressiva costuma comer mais e, na maioria das vezes, os alimentos ingeridos são mais calóricos.

Ano de nascimento

Estudos mostram que as pessoas que nasceram após 1942 têm mais chances de engordar e ficarem obesas. Isso acontece porque existe uma espécie de mutação genética que só aparece em indivíduos que nasceram a partir da década de 40.

Fonte: Fatos Desconhecidos


loading...

Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria? Colabore com o autor clicando aqui!
Comentários
Logo @AcreditaNisso