A Matemática de 1 milhão de dólares

por Nandy 26 nov 2015 - 23h 00
335 visualizações

Você sabia que existem problemas matemáticos que podem render cerca de 2,35 milhões de reais? Pois bem, eles existem! E até o momento são seis.

Esta campanha foi criada no ano 2000 pelo Clay Mathematics Institute com o objetivo de incentivar a descoberta e aprimorar ainda mais a matemática e o reflexo que ela tem nos dias de hoje; no início haviam sete Problemas do Prêmio Millenium, e um deles já foi resolvido. Confira:

 

Conjectura de Poincaré

Este foi resolvido pelo russo Grigori Perelman, que conseguiu provar que uma superfície tridimensional de uma esfera é o único espaço fechado de 3 dimensões onde todos os caminhos e contornos podem ser encolhidos e culminar em um mesmo ponto. Perelman foi recompensado pela descoberta, mas recusou o prêmio de US$ 1 milhão e também a Medalha Field, que é como se fosse o “Nobel da Matemática”.

Hipótese de Riemann

Esta hipótese envolve os números primos, dizendo que existe uma constante na ordem de evolução dos números primos. Esta hipótese surgiu em 1859 e ainda está sem solução.

P versus NP

Este problema está relacionado com ciências da computação. NP refere-se a uma resposta que é fácil de verificar, enquanto que P é uma resposta fácil de se achar. O xeque do problema é se existe algo para um computador que seja fácil verificar, mas ao mesmo difícil de resolver.

Outros problemas

Temos também a Conjectura de Hodge, o qual envolve geometria algébrica; a Existência e suavidade de Navier-Stokes, abordando mecânica de fluidos; a Existência de Yang-Mills e a falha na massa, sobre teoria quântica de campos; e, por fim, a Conjectura de Birch e Swinnerton-Dier, a qual busca provar que uma circunferência possui infinitos pontos.

Como vocês podem ver, ainda existem problemas que a matemática ainda não conseguiu resolver, então, se você gostar de matemática e quiser arriscar, que tal se aventurar e tentar resolver um desses problemas?

Siga nas redes:

Facebook: Nandy Martins

Instagram: @nandy_martins

Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria? Colabore com o autor clicando aqui!
Comentários
Logo @AcreditaNisso