Andar de montanha-russa cura pedra nos rins

por Nandy 28 set 2016 - 13h 42
342 visualizações

Pode parecer estranho, mas uma boa chacoalhada pode evitar até uma cirurgia e o melhor de tudo é que você pode conseguir essa “cura” visitando o parque mais próximo de você e divertindo-se em uma montanha-russa.

Tudo aconteceu quando um paciente do médico Marc Mitchell que afirmou em consulta que a sua viagem para a Disney resolveu seu problema com pedra nos rins.

Andar de montanha-russa cura pedra nos rins

Quando o médico finalmente acreditou e buscou entender como o fato realmente ocorria, entendeu que o paciente andava no brinquedo, depois corria para o banheiro e simplesmente expelia alguma pedra. Por fim, ele andou na montanha-russa três vezes e expeliu uma pedra em cada passeio.

Mas como realmente restar essa possível descoberta? Como saber se é mesmo eficaz a ponto de receitar um passeio assim para o próximo paciente? Pois bem, o médico decidiu ir dar uma voltinha no brinquedo levando um rim impresso em 3D com urina e três pedras de tamanhos diferentes. As pedras foram alojadas em lugares diferentes do rim e após dar 20 voltas na montanha-russa, ele pode concluir que as pedras que estavam alojadas na parte superior saíram – 100% de sucesso no tratamento. Já aquelas que estavam na parte inferior dos rins eram mais difíceis de eliminar, mas tiveram sucesso em 40% dos casos.

Resultado de imagem para montanha russa grande

Depois do experimento, Mitchell concluir que o tratamento é muito eficaz para pedras de até 5mm, mas a partir de 6mm elas precisarão ser extraídas através de cirurgia. Mas como sabemos que bem todo mundo pode ir até a Disney separamos 4 dicas que podem ajuda-lo a ter sucesso ao eliminar as pedras:

1- A montanha-russa precisa ter intensidade moderada e a velocidade máxima que ela deve atingir é de 65 km/h;

2- O percurso ideal é aquele que tenha quedas rápidas e curvas bem acentuadas;

3- Nada de loopings. Eles não ajudam a expelir as pedras;

4- Procure sempre sentar-se na parte de trás, pois nessa localização as chances de obter sucesso no tratamento podem ser duplicadas.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria? Colabore com o autor clicando aqui!
Comentários
Logo @AcreditaNisso