Curiosidades

As 7 armas mais incríveis utilizadas pela União Soviética

A União Soviética foi um Estado Socialista localizado na Eurásia. Foi a união de várias repúblicas soviéticas subnacionais. Os soviéticos tiveram seu início na Revolução Russa de 1917, que depôs a autocracia imperial.

No início da Segunda Guerra Mundial, a União Soviética assinou um pacto de não-agressão com a Alemanha nazista, inicialmente para evitar qualquer tipo de confronto, mas o tratado foi desconsiderado em 1941, quando os nazistas invadiram o território soviético e deram início a uma das maiores guerra da história.

Em 1980 o mundo estava com medo, existia a possibilidade de haver um conflito entre a União Soviética e os Estados Unidos. Ninguém sabia o que esperar da ameaça russa. Foi daí que surgiu a Agência de inteligência e Defesa (DIA).

Cosmético fatal

Esse item parece ter saído de um filme. Nomeado de Kiss of Death (Beijo da Morte), o batom aparentemente inofensivo, esconde uma arma de fogo com um único projétil de 4,5 mm. Fácil de se esconder, o acessório era utilizado como último recurso por espiãs russas.

Canhão 2B1 Oka

Durante a Guerra Fia, o medo de um ataque nuclear em grande escala era eminente. Mesmo assim, a União Soviética também pensava em utilizar o seu poderio atômico em conflitos menores. Foi para isso que criaram o canhão 2B1 Oka. Ele é capaz de atirar projéteis de 420 milímetros e 750 quilos a uma distância de 45 metros.

Bombardeiro Sukhoi T-4

Esse veículo foi feito para bater de frente com o XB-70 Valkyrei norte americano. Poderia ultrapassar três vezes a velocidade do som. Para resistir a tal velocidade, a aeronave tinha uma estrutura de titânio e aço inoxidável e instrumentos supersônicos.

Guarda-morte

Essa arma facilmente poderia entrar em um filme de espiões. Ele é conhecido como “Guarda-chuva Búlgaro”, e é reconhecido como uma das armas mais letais da União Soviética. À primeira vista parece um guarda-chuva tradicional, mas o objeto possui uma ponta perfurante, que ao entrar em contato com o corpo humano, dispara uma bala contendo ricina (toxina extraída da mamona).

Tu-2sh Fire Hedgeohog

Durante conflitos contra Hitler e seus comandos, Tu-2sh Fire Hedgeohog foi produzida. Foi uma modificação feita em cima do bombardeiro Tu-2 original. Para aumentar o poder de fogo da nave, militares ocuparam o compartimento com bobas e um conjunto de armas de fogo, combinando 88 metralhadoras.

T-35

Primeiramente usados pelos britânicos, os tanques superpesados caíram no gosto dos engenheiros soviéticos durante a Segunda Guerra Mundial. Prova disso é o T-35, uma estação de guerra móvel equipado com um canhão e quatro outras estações de disparo, entre canhões menores e metralhadoras.

MiG-105

Outra aeronave feita durante a Guerra Fria foi o MiG-105. Resposta aos planos dos EUA com seu X-20 Dynasoar, o veículo fazia parte do projeto Spiral, que tinha como objetivo dominar completamente o espaço aéreo antes de seus oponentes.

Comments

comments

Leave a Response

Nandy

Mineira que caiu de amores por “Sampa”, recordista de matriculas malsucedidas em academias e que acredita que o amor é sempre uma questão de escolha.