Curiosidades

Por que os zumbis são os inimigos mais comuns nos jogos de terror?

O jogos de zumbi de videogame completam 34 anos esse ano. O primogênito dessa categoria é o Zombie Zombie de Sandy White, um jogo em 3D isométrico para o ZX Spectrum, seu objetivo era matar os zumbis da cidade atirando em suas cabeças.

Desde então centenas de jogos de matar zumbi foram criados, a categoria revolucionou o games. Ter um zumbi como inimigo nunca foi tão atrativo. Usar esses seres morto-vivos é interessante em dois principais aspectos, primeiro por sua função tecnológica e segundo por cumprir alguns requisitos psicológicos.

Primeiramente, os zumbis são mais fáceis de ser produzidos, isso do aspecto tecnológico, personagens com uma alta inteligência são mais difíceis e muito mais caros. Mesmo que tenha a aparência de seres humanos, os zumbis por definição tem seus movimentos e reações mais lentos, uma bala por exemplo não os afeta, além de sua mentalidade se comportar como a de todos os outros, parecendo um rebanho. Tais fatos facilitam a programação do jogo, se comportamentos repetitivos ou não reação em jogos com alta inteligência acontecem conscientemente o jogo é considerado ruim ou mal produzido, fatos que se ocorrem com os morto-vivos é totalmente aceitável e
até esperado.

Além disso, a razão psicológica também nos favorece para considerarmos os zumbis ótimos inimigos. Zumbis não podem ser considerados humanos, tampouco animais, são seres que se mexem, porém não raciocinam ou apresentam personalidade, com suas lentas reações e aparência de mortos, podemos considerá- los morto-vivos. Esse fato é de extrema importância, uma vez que causa certa tranquilidade para o psicológico humano, afinal, eles já estão mortos, atirar neles não é tão psicótico quanto matar policiais, soldados ou até mesmo monstros e criaturas vivas. São seres que se movem, mas não são espertos, tem uma forma humano, porém não são realmente humanos, tal fato fazem dos zumbis os inimigos perfeitos para os jogos de terror.

Com isso, não é novidade ou impressionante que os desenvolvedores tenham elaborados tantos jogos de matar zumbis nas últimas décadas. Por questões financeiras, facilidade e satisfação dos jogadores os morto-vivos são os melhores inimigos dos games. Portanto, eles se tornaram os adversários mais comuns do meio, estão em todos os lugares, como na série de horror de Resident Evil e seus variados zumbis infectados, os nazi-zombies em Call Of Dutty, e até mesmo em House Of The Dead da franquia Sega. Eles estão por todos os lados ! Entretanto, existem boatos que o adversário de reações lentas e aparência humana pode estar com seus dias contados. Assim como os vampiros ficaram saturados após a série Crepúsculo, os zumbis podem estar com seus dias de glória chegando ao fim, sua fadiga pode chegar a qualquer momento.

Com isso, o desenvolvedor polonês Techland resolveu revolucionar a categoria e anunciou seu próximo jogo Dying Light, que se assemelha com Mirror’s Edge e é repleto de zumbis, porém, durante o apocalipse, o jogador deverá afastar os adversários morto-vivos com armas improvisadas ou até mesmo com as próprias mãos. Seria essa uma tentativa de manter os zumbis como os inimigos mais agradáveis dos jogos de vídeo game?

Comments

comments

Leave a Response