in

7 formas extraordinárias de hackear o seu cérebro

O domínio humano sobre a Terra aconteceu justamente devido ao desenvolvimento de nosso cérebro. Não somos capazes de voar, nem temos as garras mais afiadas do planeta ou corremos tão rapidamente quanto uma onça, mas, graças à impressionante capacidade de nossos cérebros, conseguimos nos sobressair ao longo das eras e chegamos ao topo da hierarquia evolucionária. Entretanto, essa “máquina”, que habita nossos crânios, ainda é um verdadeiro mistério para os humanos. Cientistas e pesquisadores do mundo todo ainda se desdobram para entender coisas que executamos há milhares de anos.

Se torne mais atraente acreditando que você cheira bem

Não é nenhuma novidade que uma pessoa cheirosa se torna muito mais atraente. Isso porque associamos instintivamente o cheiro à higiene. Apesar de ser uma questão mais discreta do que a aparência ou a personalidade, tal sugestão de atratividade desempenha papel igualmente importante na hora da paquera. Segundo um estudo, simplesmente acreditar que você cheira bem aumenta suas chances de conquista.Tal estudo foi realizado exclusivamente com homens. Para metade de um grupo de participantes equivalentemente atraentes foi entregue um spray perfumado e para outra metade um spray inodoro e foram gravados alguns vídeos dos participantes. Os vídeos foram apresentados para um grupo de mulheres e elas deveriam classifica-los segundo seu nível de atratividade. Os homens que utilizaram o spray perfumado foram classificados como mais atraentes por elas, mesmo sem que elas soubessem como eles cheiravam.Isso sugere que a autopercepção influencia diretamente o nível de confiança e também afeta o modo como outras pessoas nos percebem.

Use gestos para se preparar para um teste/prova

As pessoas utilizam todos os tipos de táticas para reterem o máximo de conteúdo possível antes de uma prova/teste. Existem diversos métodos que se dizem bastante eficazes por aí. Para encontrá-los, basta fazer uma breve pesquisa nos sites de busca. No entanto, existe um método, cientificamente comprovado, que você pode usar enquanto estuda. Segundo tal método, devemos usar gestos enquanto estudamos.Segundo alguns estudos, quando usamos gestos para explicar a informação para nós mesmos, o cérebro retém aquilo de maneira muito mais eficaz. Até mais do que falar em voz alta ou escrever. Pesquisadores descobriram que apenas falar enquanto aprendemos um conceito não gerava nenhum efeito sobre a retenção de informações.

Alucinações solares

Segundo um fisiologista do século XIX, as pessoas podem ter alucinações sem drogas apenas com a luz do sol. Para isso, basta fecharmos nossos olhos quando estivermos de frente para o sol. Em seguida, acenar com a mão para frente e para trás no rosto, mantendo um olho coberto. Assim, você começará a ver formas, como espirais, hexágonos ou quadrados.

Pare de ‘sufocar’ cantando

Sabe aquele momento em que você precisa falar na frente de uma plateia e as palavras simplesmente ficam presas na sua garganta? Bom, a ciência parece ter descoberto uma maneira de lhe ajudar com isso. O que você precisa fazer é cantar algo para si mesmo nesses momentos de alto estresse. Isso distrai o cérebro e ajuda a aliviar a sensação de pânico que você sente nesses momentos. Caso você esteja em um ambiente em que não possa cantar, você pode, por exemplo, fazer uma contagem regressiva partindo de qualquer número.

Música clássica para aprimorar a aprendizagem

Todos somos afetados pela música de diversas maneiras. Muitas vezes sua influência é tamanha que não conseguiríamos explicar em palavras seus efeitos sobre nós. Mas você sabia que a música também está relacionada à produtividade? No entanto, nossos cérebros são diferentes, portanto não existe uma teoria unificada sobre como a música de fato se relaciona com a produtividade.Entretanto, um estudo revelou que existe um tipo de música, interindependente de nossas preferências, que fomenta a criatividade e a aprendizagem: a música clássica. Neste estudo, realizado com 249 estudantes divididos em dois grupos, isso ficou claro. Um dos grupos estava ouvindo música clássica enquanto assistiam a uma palestra, o outro grupo apenas via a apresentação. A análise mostrou que eles aprenderam muito mais do que aqueles que não estavam ouvindo a música.

Aroma de alecrim melhora a capacidade mental

Em um estudo que buscava a comprovação dos benefícios do uso de óleos essenciais, pesquisadores colocaram um grupo de pessoas em uma sala aromatizada com alecrim. Os voluntários do estudo, imersos no ambiente, realizaram alguns testes matemáticos e de processamento de informações visuais. Depois que os pesquisadores aumentaram a dosagem do aroma no ambiente, uma significativa melhora no desempenho dos participantes foi notada. Os cientistas não sabem ao certo o porquê disso acontecer. Porém, eles acreditam que o alecrim pode ter algum impacto positivo nas habilidades cognitivas.

Mascar chiclete para reduzir ansiedade e depressão

Segundo alguns estudos, existem alguns benefícios em mascar chicletes. Além de que é uma das poucas maneiras comprovadas de forçar nosso cérebro a se “comportar”. Pesquisadores conseguiram comprovar que a goma de mascar diminui os níveis de ansiedade. Tal efeito foi maximizado após duas semanas mascando chicletes regularmente. Outra descoberta é que pessoas que mascam chicletes se saem melhor em combater a depressão e a fadiga do que as demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Roland Garros: um torneio com muito glamour e dinheiro

7 projetos impressionantes que saíram da feira de ciências