Publicidade - OTZAds

Bombando!

Lugares na Terra que parecem ser de outro planeta

Existem alguns lugares espalhados pelo mundo que nos fazem pensar se realmente estamos em nosso planeta e não em um outro lugar, afinal, são lugares que não existem em nenhuma outra parte do mundo e que são muito peculiares. Confira:

Wai-O-Tapu

Trata-se do maior parque geotermal da Nova Zelândia, se não for um dos maiores do mundo, pois possui cerca de 18 km2. Infelizmente, nem toda a reserva está aberta para visitação, mas em várias partes é possível conhecer diversas de suas crateras colapsadas, além de entrar em uma de suas piscinas borbulhantes por causa da lama vulcânica.

Rio Tinto

A coloração desse rio da Espanha é devido a um ácido que deixa o pH da água a 1,2! Sem falar que também possui alta concentração de metais e pouca concentração de oxigênio, o que torna difícil a vida ali, tanto que é conhecido como um rio morto, porém, foram encontradas ali algumas algas que já estão sendo analisadas – acredite se quiser – pela NASA, uma vez que o local possui muitas semelhanças com a superfície de Marte.

Estrutura de Richat

Acho que você já ouvir falar na grande mancha vermelha de Júpiter, não é mesmo? Pois bem, saiba que a Terra tem uma estrutura muito semelhante a ela quando vista do espaço! É a Estrutura de Richat, que fica na Mauritânia, no deserto do Saara.

Publicidade - OTZAds

Parque Nacional Crateras da Lua

Mas isso não deveria ser na lua? Sim, entretanto, nos EUA, há uma superfície muito parecida com a lunar quando esta é atingida por meteoros, a diferença aqui é que essas crateras foram causadas devido ao alongamento da crosta terrestre.

Fontes hidrotermais de Galápagos

No sul do Oceano Pacífico, estas fontes têm início em uma das ilhas e penetram cerca de 2 quilômetros para dentro do oceano. Não é aconselhável chegar muito perto, uma vez que a água nas fissuras pode chegar a 400 graus Celsius!

Vulcão Kilauea

Vênus, em sua superfície, possui uma quantidade imensurável de vulcões e de lava escaldante e derretida, se quisermos ter uma ideia de como é lá, basta observar o vulcão Kilauea, no Havaí, composto por basalto negro. Ele já teve 35 erupções desde 1952, então vê-lo em atividade não é algo raro, mas é bom ficar um pouco longe dele quando ele explodir.

Siga nas redes:

Facebook: Nandy Martins

Instagram: @nandy_martins

[ajax_load_more]

Latest Posts

- Advertisement -